15/11/2008

A Evolução da Espécie - Esther completa 1 ano de vida







FELIZ ANIVERSÁRIO ESTHER!!!!!!!!



MUITA SAÚDE, PAZ, AMOR, ALEGRIA E BELEZA EM SUA VIDA...



É O QUE DESEJA OS SEUS PAIS JOÃO E PATRÍCIA, AVÓS, TIOS, PRIMOS, BABÁ E AMIGOS.






A cada dia, a criança manifesta um gesto, um sorriso, um olhar diferente que marcam as fases de seu desenvolvimento, mas o ritmo desse processo é individual
No início, o bebê é puro reflexo - se mexe quando acendem a luz, anda se for colocado ainda pequeno numa superfície lisa. Depois, os reflexos são substituídos pela vontade e a criança adquire competência para viver. De acordo com o pediatra Gilberto Petty da Silva, da Universidade Federal de São Paulo, para entender o desenvolvimento da criança é preciso considerar: a) da cabeça até o ombro, b) do ombro ao quadril, c) do quadril ao joelho e d) do joelho aos pés. É o chamado de desenvolvimento crânio-caudal. “É importante saber que, ao final do terceiro mês, o bebê deve conseguir erguer a cabeça. Aos seis meses, senta; aos nove, engatinha; e, com um ano, provavelmente vai andar”, explica. O pediatra Nataniel Viuniski, autor do livro Obesidade infantil – um guia prático (Epub), lembra, no entanto, que cada criança tem o seu ritmo. “Existem variações individuais, condições sociais da família, raça, clima, presença ou não de irmãos mais velhos, que influenciam no desenvolvimento. As características da evolução não são exatas”, diz. A tabela elaborada pelos especialistas ajuda os pais a ter uma idéia do que ocorre em cada fase do bebê. No entanto, eles avisam que não é preciso entrar em desespero porque aos seis meses os dois dentinhos não nasceram ou porque o filho não tem a altura e o peso sugeridos.


12 meses – Tem interesse pelas cores e coopera para se vestir. Entrega um brinquedo quando pedem e sua linguagem fica mais apurada. Dá uns passinhos, porém prefere engatinhar para explorar o mundo. Já pode fazer alimentação variada com a família, mas gosta de comer com as próprias mãos. Define gostos e aversões, pode ter menos apetite e lembra onde estão guardados seus brinquedos. Estatura e peso médios:

Meninos: 75 cm e 10,1 kg

Meninas: 74 cm e 9,8 kg

Um comentário:

Bárbara disse...

parabéns pra pequena!!!
Toda a saúde do mundo pra ela
Felicidades!!!